As dores da infância são fragmentos de cristal com cicatrizes do tempo, às quais as tempestades levantam os mantos e descobrem baços reflexos de orvalhadas memórias, de quem sabe amar, tudo perdoar, sublimar!

via Cicatrizes do Tempo — Estórias da Carochinha

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s