Para refletir.

Encontrei essa manhã com a avó de uma amiga. Ela está com mais de sessenta anos, mas aparenta muito menos. A última vez que a vi, estava em uma festa e parecia distante, triste e sem entusiasmo. Achei que era porque havia se aposentado e perdido o foco. Começamos a conversar e fomos parar em […]

via Até que a morte nos separe — Vidas em contos

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s