Sou eu aqui Apesar do tempo e das tempestades Estou onde me deixaste Espero-te, na sombra de todas as tardes Espero-te, numa esperança que consome a minha espera Espero-te, sem saber se virás Fiquei aqui neste tempo faminto Na saudade da tua pele A tua partida, cortou-me as asas Deixou-me o frio que cai dos olhos Em […]

via Espero-te — Poesia-me

Anúncios

2 thoughts on “

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s