La main de l’angle prend une plume et dessine le vide. Quelle tendresse dans ces voilures en provenance du ciel. Ici l’amant entre dans la famille labiale comme le myrte. (Adonis)

via La main de l’angle (Adonis) — Arbrealettres

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s