Berwick Butterflies — Beyond the Window Box

A perfect Peacock feeding on a wind tossed buddleia bush, a Small Tortoiseshell basking in a sunny corner… and a weary Red Admiral limping on tattered wings.

via Berwick Butterflies — Beyond the Window Box

Anúncios

💎🎀 Azul 🎀💎

Imenso azul.

Azul que acalma, azul que delicia.

Azul do céu, azul do mar.

Como eu gosto do azul!

Se pudesse viveria envolta em azul,

Com sonhos azuis e desejos azuis.

No azul sinto-me calma e feliz.

No azul não tenho problemas, medos,

Ansiedades; nada me perturba.

No azul sou eu e só eu,

Sem influências exteriores.

Quero um mundo só meu. Azul.

Nos mais lindos tons

Jamais vistos pelo ser humano.

Campos intermináveis, azuis.

Riachos frescos e azuis.

Peixes lindos em tons brilhantes de azul.

Até eu não me importava de ser,

Azul-turquesa.

 

Fortunata Fialho

 

capa-2953x2008

🎊😊 Quero 😊🎊

Quero … quero tanta coisa que nem eu própria sei o que quero.

 

Quero voar como uma borboleta, pairar como uma sementinha, sentir o doce toque do vento.

Quero viajar no tempo, mudar o curso deste rio, reflorestar o planeta…

Quero nascer de novo, emendar meus erros ou, quem sabe, cometê-los de novo.

Quero ser eterna ou morrer num momento de grande felicidade.

 

Quero entrar no teu pensamento, sentir o que tu sentes e dar-te tudo o que desejas.

Quero ser o teu maior amor, a tua maior felicidade a tua razão de viver.

Quero fazer amor contigo, subirmos aos céus, perder a noção dos corpos e só sentir.

Quero beber dos teus lábios, alimentar-me do teu amor e esquecer o mundo.

 

Quero acordar com o riso dos nossos filhos, a sua alegria inocente e o brilho do seu olhar.

Quero que, para sempre, sejam felizes, que nunca chorem e que só tenham razões para amar.

 

Quero acabar com a guerra. Quero que todo o ser humano só saiba amar.

Quero transformar todo o ódio em flores e as balas em doces manjares.

Quero que dos canhões saiam salvas, das metralhadoras rosas, que as espadas só cortem espinhos…

 

Quero ser luz e cor, doçura e ternura, paz e amor. Viver intensamente e sonhar.

Quero ser a princesa de um conto de fadas e viver num mundo de encantar.

Quero ser ideia, ser sonho, ser criação e ser renovação. Não quero ser ilusão.

Quero ser alma, quero ser desejo, quero ser começo… quero ser fim.

 

Quero… a todo o instante quero… não sei bem o quê… mas quero.

 

Fortunata Fialho

 

estudo_capa_completa_simplesmente historias (2)capas_entre_o_sono_e_o_sonho

 

💐💐Alentejo💐💐

Olho e sou rodeada por um mundo de cores envolto em suaves odores.

Planícies… não, telas coloridas, surgem de todos os lados.

Alguns génios pintores brincaram com paletas de cores.

Pinceladas, sabiamente distribuídas, surgem sob o meu olhar.

Alentejo, terra verde e florida, abraçada por luminosos raios solares.

O sol sempre que nasce, perante tal beleza, oferece-lhes o brilho dos cristais.

 

Pelos campos correm riachos, chilreiam pássaros, pastam animais.

Ranchos de trabalhadores espraiam-se pelos campos.

Trabalhadores, alegres, brincam e cantam enquanto labutam.

Enfrentam o sol e o frio, corajosamente, sem um queixume, sem um lamento.

Alentejo de gentes felizes e valentes, de vinhas e cearas sem fim.

Terra de noites calmas ao som do silêncio dos campos.

Silêncio repleto de barulhos noturnos.

 

Alentejo, terra linda, de gentes tranquilas e amáveis.

Meu berço… meu lar…. minha paixão.

Nasci no Alentejo… que sorte… que prazer…

Terra onde nasci… cresci… amei…

Terra onde desejo… um dia bem longe… morrer.

 

Fortunata Fialho

(imagem retirada da internet)

 

transferir

😎😉”Simplesmente… Histórias”💐 Apelo de um náufrago😉😎

Aqui, nesta ilha, até quase que sou feliz. Pensavas que isso era impossível?

As plantas são maravilhosas, os animais lindíssimos e a água límpida e pura.

Quando tenho fome é só colher, caçar e comer. Nunca tive fome. Mas…

Falta-me a tua companhia e o calor do teu corpo. Quero amar-te.

Falta-me sentir o doce sabor de um beijo, a terna sensação de uma carícia.

Quero perder-me no brilho do teu olhar e refugiar-me na segurança dos teus braços.

Tenho saudades do riso das crianças, do seu abraço ingénuo e do brilho dos seus olhos.

Lembro-me do brilho dos teus olhos quando dizias que me amavas.

Da vozinha dos nossos filhos quando chegava a casa. De todos aqueles brinquedos pelo chão.

Do teu cheiro nos nossos lençóis, do teu suor quando nos amávamos.

Olho para este mar imenso e sonho e sonho com um barquinho no horizonte.

Por esta ilha nunca passam barcos e eu que quero tanto partir.

O meu horizonte não muda, sempre tão azul e tão calmo.

Mundo paradisíaco desejado por muitos, prisão impiedosa sem grades.

Neste pequeno papel que o mar poupou escrevo este grito de Socorro.

Como to envio? As ondas acariciam a areia e eu não te posso acariciar.

Uma garrafa! Obrigado mar que me compreendes.

Leva esta mensagem, deposita-a em mãos abençoadas.

Mandem-me ajuda. Eu espero. Por favor não tardem.

Preciso de ajuda. Levem-me de volta, devolvam-me a quem amo.

 

 

Fortunata Fialho

livros

😓Ontem… Hoje…😊

Ontem estava triste, o mundo era padrasto ruim.

Ontem deambulei pelas ruas e… chorei.

Ontem estava perdida mas me encontrei.

Ontem cai nos teus braços e… sorri.

Ontem o teu corpo uniu-se ao meu e… sonhei.

Ontem amaste-me e eu… revivi.

Ontem dei-me sem limites, entreguei meu corpo e… ganhei.

Ontem os orgasmos eram fogo-de-artifício.

Ontem o mundo foi o nosso quarto e o céu os teus olhos.

Ontem a tristeza esfumou-se e o sol brilhou intensamente.

Ontem morri e contigo ressuscitei.

Ontem esqueci a tristeza e relembrei a felicidade.

Ontem ouvi doces melodias envolta em perfumes intensos.

Ontem… que fantástico ontem!

 

Hoje estou feliz e o meu coração bate intensamente.

Hoje penso que o mundo é meu e que o meu mundo é lindo.

Hoje revejo-me em meus filhos e fico contente.

Hoje gosto da vida, do sol, do vento e do vosso riso.

Hoje amo o passado e estou apaixonada pelo futuro.

Hoje dispo-me de tristeza e cubro-te com beijos.

Hoje vibro de desejo e tremo com carícias.

Hoje sou mulher, luz, chuva e porto de abrigo.

Hoje colori a escuridão com as cores do arco-íris.

Hoje sou passado, futuro, colo e amor.

Hoje sou felicidade, leveza e brilho.

Hoje sou eu, tu, eles e… nós.

Hoje… sou… aquilo que quiser…

Hoje… vou viver.

Para sempre… para mim… será sempre hoje.

 

Fortunata Fialho

Maria Fortunata Fialho