SER MUJER. — LA CASA DE LA POESÍA

Ser mujer no me reprime de desear unos labios tener sueños de poder para poder alcanzarlos. Ser mujer,algo divino ¡cómo dudar!,si en la piel llevo olor a clavel sabor al vino más fino. De pasión tengo apetito besos deseo a raudales entre caricias encuentro mis más oscuras verdades. Que convierto en realidades […]

via SER MUJER. — LA CASA DE LA POESÍA

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s