Paz…

Paz… só quero paz…

Um sorriso carinhoso no regresso a casa,

Um beijo dado com amor ao fim do dia de trabalho.

Sentir-me amada e desejada sem condicionantes.

Ouvir uma voz amiga que me encha a alma e me ilumine a noite,

Sentir o amor que todo o ser humano merece,

Descansar no conforto de um abraço forte,

Ouvir o som do silêncio no conforto do lar.

Na labuta do dia o stress e o cansaço acumulam-se.

Ao fim do dia anseio por um pouco de paz.

Casa… família… conforto… carinho… paz.

Calor depois do frio cortante do dia,

Sons de tranquilidade depois do barulho ensurdecedor.

Preciso esquecer tudo o que me preocupa e cansa.

Na paz encontro o conforto reparador.

Odeio discussões… incompreensões…

Quero amizade… carinho… amor… paz.

Sim quero paz…

Fortunata Fialho

Por-do-sol em família.
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s