Pedra

Sim, um banco de pedra junto a uma mesa de pedra.

Um símbolo de felicidade de tantas famílias,

Um ponto de encontro numa noite de verão,

Testemunho de piqueniques em família,

De risos de crianças sob o olhar feliz dos pais.

Mesa de manjares feitos de carinho.

Local de encontro de amantes,

Testemunho de beijos apaixonados.

De carícias cobertas de doces,

Beijos com sabor de morango,

De tórrida paixão entre corpos vibrantes,

De orgasmos de prazer proibido ou… talvez não.

Recanto encantado de beira de estrada,

Local de descanso de caminhantes.

Testemunho de sonhos partilhados nas páginas de um livro.

Banco, duro e frio, que tantas vezes usei.

Mesa onde tantas cartas de amor foram escritas.

Testemunho gelado de tantas lágrimas de dor,

Testemunha de rios de olorosa saudade.

Cantinho agora esquecido… escondido

Ansioso pelo contacto quente de algum corpo,

Pela visita de novos amantes…

Ou do simples e ingénuo trepar de uma criança.

Fortunata Fialho

Imagem retirada da internet

One thought on “Pedra

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s