Livre

Livre

Quero ser livre, voar como o vento e alcançar as estrelas.

Quero ser como um pássaro que foge de uma gaiola,

Esvoaçar para o desconhecido sem olhar para trás.

Quero gritar bem alto o que me vai no coração,

Fazer soar a minha voz sem que a abafem ou censurem.

Caminharei sem objetivo em caminhos sem fim,

Navegarei os mares sem medo das tempestades.

Escreverei tudo o que me vem na alma

Cobrirei páginas e mais páginas de sentimentos,

Contarei histórias de almas livres de mordaça,

Darei voz a todos aqueles a quem a tiraram,

Falarei sempre… ninguém ouse calar-me.

Quero ser livre e apregoar a força do conhecimento,

Quero aprender tudo o que conseguir.

Não me escondam os livros, não calem as histórias…

Deixem-nas contagiar todos os que as ouçam.

Soltem o conhecimento… com ele virá liberdade.

Peçam ao vento que solte as palavras escritas,

Que as grite em todos os lugares

Que em todos os ouvidos ecoe LIBERDADE.

Fortunata Fialho

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s